segunda-feira, setembro 29, 2008

O Selvagem da Motocicleta!


O Selvagem da Motocicleta quer ter uma Harley-Davidson, mas o salário de auxiliar administrativo não ajuda.


Puxou as olheiras do pai, mas até gosta. Dá um ar de malvado.


Diz que é um rebelde, mas ainda vive com a mãe.
Olha ele na cozinha, vendo se o almoço tá pronto!


O Selvagem da Motocicleta vai trabalhar de ônibus.
Não comprou o capacete ainda.
Ele é selvagem, mas não é burro!

..........

quinta-feira, setembro 25, 2008

Tia Thereza



Sábado passado fomos ao aniversário da tia Thereza, que mora em Itatiba.

Ela é irmã de meu pai e casada com o tio Geraldo. Uma graça de casal, como vocês podem comprovar nas fotos que tirei da festa. Veja só que lindo!






Todos os aniversariantes de setembro (da esquerda para a direita):
tia Georgina, Denise, tio Geraldo, tia Thereza e tio Paulinho.

terça-feira, setembro 23, 2008

Homenagem a Antonio Rezk


Desenho de Mario Arrabal Pacheco (2005)

A homenagem póstuma a esse grande amigo será no próximo sábado na PUC. Também será a formatura da turma de oratória do curso patrocinado pelo Programa Mutirão Cultural da UBE (União Brasileira de Escritores) e pelo Departamento de História da PUC.

Conto com a presença de vocês.

Homenagem ao prof. Antonio Rezk
Dia 27 de setembro, sábado, às 9 horas na PUC, prédio novo, sala 62

quinta-feira, setembro 18, 2008



Vejam os belos cartazes feitos pelo É Idéia para divulgação do atelier!

São feitos em gravura!



quarta-feira, setembro 17, 2008

Uma lagarta no meu jardim



A Lagarta e a Borboleta (metamorfose)

Era uma vez...
Uma lagarta envergonhada,
Que pelo chão se rastejava,
E todo mundo debochava:
Que lagarta desengonçada,
Feia e maltratada!
Ninguém, dela, gostava,
As pessoas, ela, assustava.

Pobre Dona Lagarta...
Muito triste ficou,
E sentindo-se desprezada,
Em um casulo se fechou.

E assim...
Passaram-se os dias,
Ninguém, a sua falta, sentia,
Até que em belo cenário,
Enquanto o sol, a vida, aquecia,
E a rosa, o jardim, floria,
Em um galho pendurado,
O casulo se abria.

E uma linda borboleta,
De asas bem coloridas,
O casulo deixou,
Alegrando nossa vida.

E, todos viram o milagre,
Que a natureza preparou,
A feia e envergonhada lagarta,
Na borboleta se transformou.

Já não era desengonçada,
Mas, linda e cheia de graça,
E a todos superou.

Pois, não mais se rastejava,
Pelo contrário, voava,
O céu, enfim, conquistou.

Vera Ribeiro Guedes
www.recantodasletras.com.br/autores/vera

terça-feira, setembro 16, 2008

Trabalho nota 10!



Lucia, do Atelier Sucuriú, defendeu seu mestrado e tirou 10!

Segue uma explicação do trabalho, nas próprias palavras da autora:

"Fala de Alteridade, de mim e desse outro, que entrando no espaço (minha cabeça) está agindo sobre mim, transformando as imagens e também sendo apalpado pelos meus tentáculos. É o jogo das relações. O quanto temos de permeabilidade, o quanto nos deixamos transformar pelas nossas relações.

Há uma relação do meu trabalho com o filme 'Queria ser John Malkovich'. Aquele que entrar na cabeça não sairá impune. Sofrerá alguma transformação. Por menor que seja!

Minha orientadora é Shirley Paes Leme. A banca foi composta pela convidada da Faculdade Federal de Uberlândia Prof. Dra. Beatriz Hausher e pela coordenadora do curso de mestrado da Faculdade Santa Marcelina, Prof. Dra. Mirtes Marins."














Parabéns, Lucia!

O Atelier Sucuriú fica na Rua Sucuriú, 263, próximo à Cerro Corá e São Gualter.

Mini bonequinhos da família!



São bonequinhos articulados que servem tanto para brincar de casinha, como para psicólogos e educadores usarem em seus trabalhos com crianças.

Adquira os seus! Entrem em contato conosco pelo e-mail marcia@caixadagua33.com ou liguem (11) 3935-5779.



quarta-feira, setembro 10, 2008

Sapeando no Sesc Pompéia!

Ontem dei uma sapeada na oficina de curta-metragem de César Cabral. Eles estão fazendo roteiros. São uns grupinhos legais. César é o realizador do curta premiado “Dossiê Rê Bordosa”, vejam o trailer:



Sapeei também na aula de instrumentos musicais e experimentalismo de Flávio Cruz. Estão formando um conjunto musical muito maluco! Dei um bonequinho-piolho para ele. Estou piolhando o Sesc!

Esta foi a balada de ontem depois da aula de tear:









Foi aniversário de Ceres, que é aluna de Paula, da turma da tarde. Eu sou da turma da noite.

Dei um hominho de presente que fez o maior sucesso em cima de uma caixinha de música que roda um coração. Jandira deu um marcador de página, que ela faz, em um pacotinho lindo e também BRIGADEIROS!

O bolo foi Rosa quem fez: torta de ricota com cobertura de geléia de morangos e muitos, muitos morangos!

Deu tempo de Cris chegar e comer uns pasteizinhos. O bar é o Lapinha, na esquina da Coriolano. Os garçons, umas gracinhas, e uma batida de frutas vermelhas divina. Tomei uminha só.

Ercília é quem estava mais à vontade. Também, mora na esquina!

Terminou a festa antes da meia noite, coisa de gente comportada.


Eduardinho tem vários bichos de estimação.



Quando ele era pequeno, tinha muito medo dos personagens imaginários da sua rua: a Bruxa da Torre, os ossos de dinossauros enterrados no pátio da escola, o buraco sem fundo que a turma da Sabesp fez...

Mas agora ele perdeu todos estes medos e é super corajoso.

Só que ele ainda não gosta muito de tomar banho...

Vocês não vão acreditar quem é a mãe dele!

terça-feira, setembro 09, 2008

Vida de piolho

Estou me preparando para um curso que darei para a Editora Moderna.

Vai um trechinho de um dos contos da oficina:

“Era um piolho chamado Godofredo que gostava de filosofia. Ele vivia pensando nos dias, pensando nas coisas, pensando na vida. Pensava se valia a pena ser piolho, se fazia sentido morder os outros ou não.
Morder ou não morder. Eis a questão.
Godofredo era um piolho muito cabeça.
Ele ia pulando de criança em criança no pátio da escola e cada noite dormia numa cabeça, num travesseiro, numa cama, numa casa diferente.
Godofredo gostava daquela vida animada, ora aqui, ora ali, e tinha juízos bem claros a respeito das pessoas...”

(Continua em "Sete Histórias para Contar" de Adriana Falcão, com ilustrações de Ana Terra, Editora Moderna.)


Godofredo em um dos raros momentos em família.

quarta-feira, setembro 03, 2008

O acervo

Dei uma arrumada no atelier e tirei várias fotos do acervo que mantemos.

São alguns modelos de trabalhos que ensinamos em nossos cursos:















terça-feira, setembro 02, 2008



Após inúmeros pedidos de Marcia Brito, finalmente aqui está a minha coluna no blog do atelier Caixadagua33!

E para começar, vou mostrar algumas fotos do coquetel de lançamento do evento Jarre 60 Anos, que está em exposição na Livraria Francesa da Vila Olímpia.

O coquetel aconteceu no dia 30 de agosto.

Luzes e Cores de um Maestro: 60 anos de Jean Michel Jarre é uma exposição de fotos do belga Jacques de Selliers, em comemoração ao aniversário do famoso músico francês.

A curadoria do evento é do meu amigo Renato Mundt, fã de Jarre e autor do livro O Homem que Faz a Luz Dançar, que disserta sobre os espetáculos musicais e pirotécnicos do artista francês.

E o projeto visual da exposição ficou a cargo deste que vos escreve.

Seguem as fotos:


Fachada da Livraria Francesa, devidamente personalizada para o evento.


Piso térreo da livraria, com pezinhos indicando o local da exposição.


Trio parada dura: (da esquerda para a direita) Cristóvão Wieliczka, Renato Mundt e Carlos Relva.


Da esquerda para a direita: D´Solrac (artista plástico), Ricardo Alves Melo (presidente do Fã Clube Jarre Brasil), eu e Renato Mundt (curador da exposição).


Quadro de D´Solrac que homenageia Jarre e que será presenteado ao músico na França.


Renato Mundt, sua noiva Solange e o músico da Roland que tocou durante o coquetel.


À esquerda, Nadime Boueri (Coordenadora Regional Sul das Bibliotecas da Prefeitura do Município de São Paulo) e à direita Anna Cristina (UNESCO Brasil).


Toda a equipe!

Luzes e Cores de um Maestro: 60 anos de Jean Michel Jarre está na Livraria Francesa até 13 de setembro. A livraria fica na rua Prof. Atílio Innocenti, 920, Vila Olímpia e a exposição pode ser vista de 2ª a 6ª das 9h30 as 18h30 e sábado das 10h as 14h. Informações (11) 3849-7956.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...